A Ação Conjunta Covid-19 recebeu denúncias sobre falta de insumos na Farmácia Central do GDF e constatou estoque zerado ou baixo de alguns remédios

A intubação de pacientes com quadro agravado de Covid-19 depende de medicamentos específicos para sedação. Na semana passada, a Ação Conjunta Covid-19 recebeu informações de que leitos de UTI estavam sendo fechados no hospital de Ceilândia por falta de insumos como noradrenalina.

O deputado Distrital Fábio Felix (PSOL) e integrantes da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa e do Sindicato dos Enfermeiros do DF constataram, em diligência na manhã de hoje (5), a falta de substâncias essenciais para o tratamento de pacientes com Covid-19 que estão ou devem ser transferidos para a UTI.

“Nós vamos encaminhar para a Secretaria de Saúde questionamentos sobre a compra destas medicações. Também tivemos conhecimento de que o estoque de luvas é insuficiente para atender a demanda e cobraremos providências do GDF”, afirma o deputado Fábio Felix.

Veja alguns dos insumos para tratamento de pacientes com covid-19 que estão com estoque baixo ou zerado:

Dormonid (midazolam)
Fentanil
Propofol
Pancuron (pancurônio)
Cisatracúrio
Noraepinefrina (noradrenalina)
Adrenalina
Etomidato
Suxametônio
Dopamina
Dobutamina
Atracúrio relaxante

Confira também minha fala na sessão remota desta terça, dia 06 de outubro:

Conheça nossa Newsletter!

Inscreva-se para receber informações toda semana sobre o trabalho do mandato na Câmara Legislativa do DF.

Obrigado! Sua inscrição foi confirmada.