Precisamos que a CPI seja instalada e comece o seu trabalho!

O Distrito Federal vivencia uma verdadeira onda de feminicídios. Até a presente data, os movimentos feministas e de mulheres contabilizam mais de 25 casos de feminicídios – valor próximo aos 29 registrados em 2018. O feminicídio é a face mais cruel de controle da mulher pelo homem e nos alerta para a urgência do fortalecimento da rede de enfrentamento à violência contra as mulheres para que outras não sejam vítimas do machismo estrutural.

Estes crimes provocaram a realização de audiência pública na Câmara Legislativa, convocada por mim (Fábio Félix) e pela dep. Arlete Sampaio. Na ocasião, representantes de movimentos feministas e de mulheres entenderam necessário que fosse protocolado um requerimento para a instalação de CPI sobre os casos de feminicídios ocorridos no DF em 2019. Foi com surpresa que recebemos, após longo silêncio, declarações públicas de membros do Poder Executivo que entendiam que o Estado já estaria dando respostas à altura e que a CPI seria, portanto, inócua.

Não podemos achar normal o que está ocorrendo. A CPI do Feminicídio é fundamental para compreendermos porque as mulheres estão morrendo tanto e tão violentamente. A vida das mulheres importa e está acima de qualquer disputa partidária. Assine o abaixo-assinado e ajude a pressionar o governo!

Assine o abaixo-assinado e ajude a pressionar o governo!

1,013 pessoas já estão apoiando. Ajude a chegar a 2.000 assinaturas!

  • This field is for validation purposes and should be left unchanged.

Precisamos que a CPI do feminicídio seja instalada e comece o seu trabalho!

O Distrito Federal vivencia uma verdadeira onda de feminicídios. Até a presente data, os movimentos feministas e de mulheres contabilizam mais de 25 casos de feminicídios – valor próximo aos 29 registrados em 2018. O feminicídio é a face mais cruel de controle da mulher pelo homem e nos alerta para a urgência do fortalecimento da rede de enfrentamento à violência contra as mulheres para que outras não sejam vítimas do machismo estrutural.

Estes crimes provocaram a realização de audiência pública na Câmara Legislativa, convocada por mim (Fábio Félix) e pela dep. Arlete Sampaio. Na ocasião, representantes de movimentos feministas e de mulheres entenderam necessário que fosse protocolado um requerimento para a instalação de CPI sobre os casos de feminicídios ocorridos no DF em 2019. Foi com surpresa que recebemos, após longo silêncio, declarações públicas de membros do Poder Executivo que entendiam que o Estado já estaria dando respostas à altura e que a CPI seria, portanto, inócua.

Não podemos achar normal o que está ocorrendo. A CPI do Feminicídio é fundamental para compreendermos porque as mulheres estão morrendo tanto e tão violentamente. A vida das mulheres importa e está acima de qualquer disputa partidária. Assine o abaixo-assinado e ajude a pressionar o governo!

Conheça nossa Newsletter!

Inscreva-se para receber informações toda semana sobre o trabalho do mandato na Câmara Legislativa do DF.

Obrigado! Sua inscrição foi confirmada.