Prêmio

Marielle
Franco

de

Direitos Humanos

Prêmio

Marielle
Franco

de

Direitos Humanos

PRESENTE!

Marielle Franco era mulher negra, mãe, cria da Maré, defensora dos Direitos Humanos, socióloga e mestra em Administração Pública. Em 2017, Marielle se tornou vereadora do Rio de Janeiro pelo PSOL e presidenta da Comissão da Mulher da Câmara Municipal. No dia 14/03/2018 foi assassinada em um atentado político. 13 Tiros atingiram o veículo em que estava, matando também o motorista Anderson Pedro Gomes. Quem mandou matá-la não imaginava, mas Marielle era semente. Milhões de Marielles brotaram em todo mundo já no dia seguinte. Vamos defender e espalhar a sua memória para que mais Marielles possam surgir e mudar a realidade em que vivemos.

PRESENTE!

Marielle Franco era mulher negra, mãe, cria da Maré,
defensora dos Direitos Humanos, socióloga e
mestra em Administração Pública. Em 2017,
Marielle se tornou vereadora do Rio de Janeiro pelo
PSOL e presidenta da Comissão da Mulher da
Câmara Municipal. No dia 14/03/2018 foi
assassinada em um atentado político. 13 Tiros
atingiram o veículo em que estava, matando
também o motorista Anderson Pedro Gomes. Quem
mandou matá-la não imaginava, mas Marielle era
semente. Milhões de Marielles brotaram em todo
mundo já no dia seguinte. Vamos defender e
espalhar a sua memória para que mais Marielles
possam surgir e mudar a realidade em que vivemos.

indicações:

até 15 de novembro

análise pelo comitê:

20 – 26 de novembro

Lista de premiades:

Confira aqui

solenidade de entrega do prêmio:

06 de
dezembro

O QUE É
O PRÊMIO?

O Prêmio Marielle Franco de Direitos Humanos é um reconhecimento público e oficial da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa do Distrito Federal pelo trabalho de defensoras e os defensores de direitos humanos em diversas áreas de atuação.

QUEM PODE
PARTICIPAR?