O local escolhido para o corpo a corpo foi a Rodoviária do Plano Piloto

“O preconceito geralmente é fruto da ignorância. Nosso objetivo é levar muita informação para que as pessoas entendam que não há nada de errado em ser Trans”, destaca o deputado Distrital e presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa do DF, Fábio Felix. A equipe do gabinete 24 escolheu o diálogo e a sensibilização para marcar o Dia da Visibilidade Trans, celebrado hoje (29). Durante todo o dia, as pessoas que passavam pela Rodoviária do Plano Piloto eram convidadas a refletir sobre a Transfobia.

“Um ato muito lindo, organizado por ativistas trans/travestis em parceria com mães de LGBTs e servidores públicos que atendem a população trans. Fizemos abordagens educativas, no intuito de que a transgeneridade deixe de ser vista como uma questão exótica, fora da realidade das pessoas cisgêneras. Um sucesso completo, que gerou empatia e combateu o preconceito por meio do conhecimento”, avalia Lucci Laporta, mulher Trans e assessora do Gabinete 24. Laporta participou de toda a articulação para a realização dos 15 Dias de Ativismo.

Abraço durante ato de sensibilização na rodoviária do Plano Piloto

A atividade faz parte do calendário dos 15 Dias de ativismo pela Visibilidade Trans. Programação inclui sessão solene, sensibilização nas ruas, cursos e homenagens. O calendário se estende até o dia 8 de fevereiro, quando será realizada uma audiência pública na CLDF por iniciativa de Fábio Felix. “Será a oportunidade de debater políticas públicas em defesa da vida e da dignidade da comunidade Trans”, ressalta o presidente da CDH. Homenagens às pessoas que lutam pela visibilidade da pauta, visitas a equipamentos públicos, formação, atividades culturais e Conferência também estão previstas nesse período.

 

Conheça nossa Newsletter!

Inscreva-se para receber informações toda semana sobre o trabalho do mandato na Câmara Legislativa do DF.

Obrigado! Sua inscrição foi confirmada.