Representação do deputado Fábio Felix foi motivada por denúncias de condições irregulares de trabalho durante epidemia da Covid-19

O deputado Distrital Fábio Felix (PSOL) acionou o Ministério Público do Trabalho para que sejam verificadas as condições de trabalho ofertadas a funcionários de dez empresas de telemarketing do DF. A medida foi tomada com base em cerca de 200 denúncias feitas à Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa. Falta de itens de higiene e de proteção individual, sujeira e trabalhadores aglomerados foram as principais queixas registradas por funcionários e familiares que temem a contaminação por Coronavírus.

“São dramáticos os relatos que chegaram à Comissão de Direitos Humanos. Os trabalhadores estão desesperados diante da possibilidade de contraírem a Covid-19 já que, na avaliação deles, as medidas de segurança e de higiene não estão sendo adotadas. O Ministério Público precisa investigar e, se necessário, punir essas empresas”, destaca o deputado Distrital Fábio Felix. O MPT tem 30 dias para dar uma resposta à representação.

Chama atenção denúncia de disponibilização de apenas um pano para limpeza de mais de 100 pontos de atendimento em uma das empresas citadas. Falta de sabão, álcool gel e papel toalha nos banheiros são queixas recorrentes. Aglomeração de mais de 100 pessoas em ambiente com pouca ou nenhuma ventilação, equipamentos compartilhados sem rotina de higienização e desrespeito à distância mínima de dois metros – definida em Decreto governamental – são alguns dos destaques entre as preocupações dos denunciantes.

Confira a representação:

DENÚNCIA-TELEMARKETING-VÁRIAS-EMPRESAS

0 0 vote
Article Rating
4
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x

Conheça nossa Newsletter!

Inscreva-se para receber informações toda semana sobre o trabalho do mandato na Câmara Legislativa do DF.

Obrigado! Sua inscrição foi confirmada.