O Brasil travou uma luta para universalizar o acesso ao ensino. Até bem pouco tempo, em nosso país, milhares de crianças e adolescentes sequer iam pra escola. Agora que conseguimos garantir direito tão básico, a Câmara Legislativa abre um péssimo precedente pro país ao aprovar o ensino domiciliar. Em tempos de tantos ataques à educação, a CLDF acena ao Bolsonarismo e reforça a lógica de precarização da educação no país. Pra quem não sabe, a origem do homescholing se deu nos Estados Unidos, quando os conservadores queriam impedir seus filhos de conviver com a diversidade no ambiente escolar.

A escola é um espaço de coexistência, de sociabilidade, de diálogo, de senso de comunidade. Como apontam as estatísticas, é na escola que as crianças e adolescentes encontram lugar confortável e seguro para denunciar violências e abusos sexuais que sofrem em casa. É no ambiente escolar que as crianças entendem o que é diversidade, aprendem a respeitar o outro, se conectam com o mundo.

Além de claro ataque à educação e a seus profissionais, esse projeto é inconstitucional e recorreremos a todas as instâncias para garantir que os direitos das crianças e dos adolescentes sejam preservados!

Confira meu pronunciamento em plenário nesta votação:

Conheça nossa Newsletter!

Inscreva-se para receber informações toda semana sobre o trabalho do mandato na Câmara Legislativa do DF.

Obrigado! Sua inscrição foi confirmada.