Objetivo é colher informações acerca dos serviços ofertados pela rede de enfrentamento da violência contra a mulher; familiares de vítimas também serão ouvidos

Deputado Fábio Felix, relator da CPI do Feminicídio, na reunião deliberativa da CPI | Créditos: Alexandre A. Bastos

Com o objetivo de levantar informações e dados que vão compor o relatório final da CPI do Feminicídio, deputadas e deputados que compõem a Comissão Parlamentar de Inquérito definiram o cronograma de diligências do mês de fevereiro.  Delegacia da Mulher, Núcleos especializados de atendimento tanto das vítimas quanto dos agressores, Instituto Médico Legal e Juizados de violência contra a mulher receberão a equipe de parlamentares e técnicos que se dedicam a apontar caminhos para a superação do grave problema que já vitimou mais de 40 mulheres do ano passado para cá.

Para o relator da CPI do Feminicídio, deputado Distrital Fábio Felix, essa é a etapa mais importante de trabalho do colegiado. “Já identificamos algumas falhas como a inexistência de um protocolo integrado de atendimento das mulheres que buscam os serviços do estado. Não existe diálogo e esses serviços não funcionam como uma rede, o que dificulta o atendimento integral das mulheres. Investigar isso na ponta vai ser fundamental para a construção de mecanismos efetivos de prevenção da violência de gênero e do feminicídio”, destaca Fábio Felix.

Integram a CPI do Feminicídio os seguintes parlamentares: Cláudio Abrantes (presidente), Arlete Sampaio (vice-presidente), Fábio Felix (relator), Júlia Lucy e Eduardo Pedrosa. 

Cronograma das diligências de Fevereiro

Diligência Data prevista Região Administrativa 
DEAM 10/02Plano Piloto 
NUIAM 14/02Riacho Fundo
NAFAVD 17/02Samambaia
PROVID21/02Águas Claras
IML 24/02 Plano Piloto 
Juizados de VD28/02Ceilândia 
0 0 vote
Article Rating
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x

Conheça nossa Newsletter!

Inscreva-se para receber informações toda semana sobre o trabalho do mandato na Câmara Legislativa do DF.

Obrigado! Sua inscrição foi confirmada.