CPI dos Maus-Tratos é manobra da base de Ibaneis!

Fábio Felix repudia decisão política para instalação da CPI na CLDF

14 set 2021, 18:03 Tempo de leitura: 1 minuto, 36 segundos
CPI dos Maus-Tratos é manobra da base de Ibaneis!

A Câmara Legislativa do DF instalou hoje (14) a CPI dos Maus-Tratos, que visa o combate à violência de animais, que sofrem com a falta de fiscalização de entidades da cidade. Apesar da causa ser da máxima importância pelos direitos dos animais, lamentamos mais uma vez o trâmite da base governista, que executa manobras para não investigar as denúncias na Saúde envolvendo o IGES DF.

A CLDF tenta justificar a prioridade dada aos Maus-Tratos pela ordem de apresentação e ao número máximo de CPI que podem ser instaladas. Porém, é de conhecimento de todos que a CPI do IGES cumpre os requisitos legislativos para sua implementação conjunta a outras CPIs em andamento, mas foi engavetada. Mesmo com a CPI dos Maus-Tratos a apuração na Saúde poderia ser realizada, mas a base novamente barrou o instrumento legislativo. A Câmara Legislativa, com maioria governista, reafirma, desta forma, mais uma manobra para salvar Ibaneis de mais escândalos.

Nosso Bloco Democracia e Resistência não indicou ninguém para integrar a CPI dos Maus-Tratos de animais porque defendemos que a prioridade da CLDF deveria ser investigar o caos na gestão do IGES-DF. “Uma pauta séria como esta [violência contra animais] não pode ser usada para impedir de apurarmos os problemas evidentes de desvio de dinheiro e falta de atendimento à população”, reafirma Fábio.  O parlamentar teve nome indicado como membro desta CPI apenas por ofício do presidente da CLDF.

Como instrumento de luta em plenário, o Bloco apresentou obstrução na sessão de hoje para evitar a instalação da CPI dos Maus-Tratos. Desde fevereiro de 2021, a base governista usa o Regimento Interno de acordo com seus interesses para blindar o GDF. Resolver a crise na saúde, o abandono na pandemia, não é a prioridade do governo Ibaneis.