Há 37 anos as mulheres lésbicas que integravam o Grupo de Ação Lésbica Feminista ocuparam o Ferro’s Bar, no Centro de São Paulo, em defesa de seus direitos e liberdade. Além de um ponto de encontro de descontração, o bar também era um local onde elas se organizavam politicamente.

A ocupação aconteceu depois das ativistas terem sido proibidas de entrar no estabelecimento só por distribuírem a primeira publicação lésbica do país, o boletim ChanacomChana. Era inadmissível que o maior público responsável por manter o bar funcionando fosse impedido de entrar só por serem lésbicas engajadas politicamente. Nasceu aí o Dia do Orgulho Lésbico, também conhecido como o levante de Stonewall brasileiro.

Quase quatro décadas depois a comunidade lésbica segue lutando e mostrando que têm orgulho! Enfrentando o machismo e o patriarcado que insiste em submetê-las à opressão e à invisibilidade. Contem com o Gabinete 24 no enfrentamento à lesbofobia!

Conheça nossa Newsletter!

Inscreva-se para receber informações toda semana sobre o trabalho do mandato na Câmara Legislativa do DF.

Obrigado! Sua inscrição foi confirmada.